segunda-feira, 11 de julho de 2011

Começam estudos para nova ponte


O arquiteto Ademar de Freitas, da secretaria estadual de Desenvolvimento Urbano (Sedur), visitou na manhã de ontem (8) as praias do Cristo, na avenida Soares Lopes, e da Maramata, no bairro Nova Brasília, com o objetivo de iniciar estudos técnicos visando à elaboração do projeto executivo da construção de uma segunda ponte em Ilhéus. Esta semana, durante a abertura do III Festival do Chocolate da Bahia, que acontece até domingo (10) no Centro de Convenções, o governador Jaques Wagner afirmou que a obra será iniciada antes do término do mandato do prefeito Newton Lima.
Durante a visita aos locais que poderão receber a obra, o representante da Sedur esteve acompanhado pelos secretários municipais de Planejamento, Alisson Mendonça, e de Segurança, Transporte e Trânsito, Marcelo Barreto, além de membros do Escritório de Projetos da Prefeitura de Ilhéus, os arquitetos Alan Dick e Marilene Lapa e a engenheira civil Elza Carvalho. Na oportunidade, Alisson Mendonça lembrou que a localização da segunda ponte de Ilhéus, equipamento que deverá desafogar de forma substancial o tráfego de veículos no centro da cidade, encontra-se definida no Plano Diretor de 1969.
            O secretário municipal de Planejamento enfatizou ainda que o início dos estudos preliminares, voltados para a elaboração do projeto executivo da segunda ponte, acontece dois dias depois do governador Jaques Wagner ratificar mais uma vez o compromisso assumido em 2010 com o prefeito Newton Lima e com a população ilheense. “Além da segunda ponte, teremos, com certeza, outras obras estruturantes, fundamentais para prepararmos o município para esse novo momento que se aproxima com a implementação do Complexo Intermodal e dos projetos interligados”, disse.
             A idéia é de que a segunda ponte de Ilhéus tenha cerca de 520 metros e seja marcada por quatro faixas (duas em cada sentido), ciclovia, passeios para pedestres e um moderno sistema de iluminação pública. “Além disso, estaremos trabalhando para que o projeto contemple um equipamento moderno, mas que não venha a ‘competir’ com a paisagem da cidade. Ou seja, uma ponte bonita, mas, ao mesmo tempo, discreta”,  diz o arquiteto da Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur), Ademar de Freitas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário