quarta-feira, 15 de junho de 2011

Polícia apresenta arsenal de quadrilha


O delegado regional Moises Damasceno, da 6ª Coordenadoria de Polícia em Itabuna, apresentou ontem (14) o arsenal e equipamentos usados pelos bandidos para explodir caixas eletrônicos em agências bancárias no sul e extremo-sul da Bahia.
           As apreensões e a prisão de Danilo Pereira Nogueira ocorreram durante a “Operação Conduru”, no último final de semana. Ontem, Danilo foi apresentado em Salvador pelo delegado e os comandos das polícias civil e militar.
          Quatro dos integrantes da quadrilha morreram no confronto com a polícia em Ubatã e Jitaúna. Os mortos foram Irismar Longo, o Mar, Bruno Oliveira Barreto, o Carreirinha, Danilo Oliveira Barreto, Chinaglia, e Mimael Cardoso da Silva, o “Manoel”.
           Outros supostos integrantes da quadrilha também foram procurados em Uruçuca, cidade que registrou roubo à agência do Banco do Brasil no dia 16 de abril. Os outros roubos e explosões de caixas eletrônicos ocorreram em Itapebi, no dia 9 de maio, Ibirapitanga (terça da semana passada, 7) e Itagi, na sexta (10).
           O bando era investigado há dois meses e caiu horas depois do assalto em Itagi. A polícia chegou a Danilo Pereira, 23, que entregou parte da quadrilha de assalto a banco. Danilo estava com Iramar, o “Mar”, que morreu em confronto com a polícia.
          A operação contou com a participação de aproximadamente 50 policiais militares e civis. O que o delegado regional Moisés Damasceno apresentou mais parecia um paiol: duas submetralhadoras, duas pistolas, escopeta, três revólveres, sete bananas de dinamite e seis espoletas, além de cordão detonante, cartuchos de diversos calibres e oito máscaras brucutus. A polícia também apreendeu uma moto Honda (JQC-5408) e uma picape VW Saveiro (NYI-4936).

Nenhum comentário:

Postar um comentário