quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Aprendiz Legal tem capacitação voltada ao segmento gastronômico


O Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE) e a Fundação Roberto Marinho (FRM), parceiros no programa Aprendiz Legal, acabam de lançar mais uma modalidade de capacitação teórica: a de Auxiliar de Alimentação. O novo curso visa capacitar estudantes para a área de Gastronomia, um dos setores que mais crescem no Brasil.
          De acordo com a Associação Brasileira de Gastronomia, Hospedagem e Turismo (Abresi), o faturamento do setor representa 2,4% do Produto Interno Bruto (PIB) e o segmento é responsável por 8% dos empregos diretos no País. Por meio dessa capacitação, os aprendizes receberão treinamento teórico sobre a importância dos alimentos e da cozinha brasileira e terão noções práticas da hierarquia de uma cozinha profissional, dos equipamentos, utensílios, acessórios e estoques, dos fatores de deterioração dos alimentos e de confeitaria, além de outros temas.
           Com os investimentos em restaurantes e hotéis prometidos para os próximos anos, principalmente com vistas aos grandes eventos esportivos como a Copa do Mundo e Olimpíada, vai crescer também a demanda por profissionais especializados. “O Aprendiz Legal, mais uma vez, assume seu papel de respaldar a sociedade, capacitando os jovens e preparando-os para um futuro profissional com mais qualidade”, enfatiza Luiz Gonzaga Bertelli, presidente Executivo do CIEE.
            Auxiliar de Alimentação é a nona modalidade de formação oferecida pelo programa Aprendiz Legal, que hoje conta com mais de mais de 25 mil jovens sendo capacitados em 9,5 mil empresas em todo o País. As outras oito modalidades são: Auxiliar de produção, Comércio e varejo, Gestão pública, Logística, Ocupações administrativas, Práticas bancárias, Telesserviços e Turismo.
QUALIDADE ATESTADA – O CIEE recebeu do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) o Selo Parceiros da Aprendizagem. Esse selo é concedido apenas às empresas e entidades que atuam em consonância com o MTE no desenvolvimento de ações que envolvem a formação, qualificação, preparação e inserção de adolescentes, jovens e pessoas com deficiência no mundo do trabalho.
Informações e inscrições para o Programa - Para obter mais informações ou candidatar-se às vagas de aprendizagem oferecidas por empresas parceiras do CIEE, os interessados podem se inscrever pelo site www.ciee.org.br, devendo atender aos seguintes pré-requisitos: idade entre 14 e 24 anos incompletos e cursar ou ter concluído o ensino fundamental. Para participar dos cursos de capacitação teórica, os jovens precisam, necessariamente, serem contratados por empresas, de acordo com a Lei 10.097/2000. O CIEE oferece, além de completa assessoria, cursos de capacitação teórica, exigidos pela Lei, em diversas modalidades.

Nenhum comentário:

Postar um comentário