terça-feira, 19 de abril de 2011

Reviravolta em acordo e greve continua


Diante dos argumentos apresentados pelo Procurador Geral do Município de Ilhéus, Luís Carlos Nascimento, durante reunião de secretariado realizada na manhã de ontem no gabinete do Palácio Paranaguá, o prefeito Newton Lima decidiu anular o acordo feito com os servidores da educação que concedia um reajuste de 6,47% com exceção apenas para a classe dos professores. A medida adotada no final da tarde da última quinta-feira e divulgada, inclusive, pela Assessoria de Imprensa da Prefeitura, foi também a manchete do Diário de Ilhéus, na edição de sábado passado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário